Por que dormimos? Embora seja uma atitude completamente natural, as funções do sono ainda despertam dúvidas em muitas pessoas, porém inúmeros estudos têm evidenciado sua importância para a saúde e o papel reparador que desempenha no funcionamento do sistema nervoso, cardíaco e endócrino.

Dormir é tão fundamental para o corpo como alimentar-se bem e praticar atividades físicas. É durante as primeiras horas do sono que acontece, por exemplo, a liberação do hormônio GH, conhecido como o hormônio do crescimento.

Dormir para ser saudável

A privação de sono causa grandes impactos à saúde como o aumento dos níveis de cortisol e ACTH (Hormônio Adrenocorticotrófico), que são hormônios relacionados ao estresse.

Dormir mal também pode influenciar negativamente o sistema cognitivo; aumentar a irritabilidade e a ansiedade; alterar a resposta imunológica do corpo; contribuir para o surgimento de doenças como pressão alta e diabetes; alterar o apetite e favorecer a obesidade, já que reduz o hormônio que promove a saciedade (leptina) e estimula o hormônio que aumenta a fome (grelina).

Sono na terceira idade

Você já deve ter percebido que bebês dormem bastante, enquanto idosos costumam dormir cada vez menos, certo? Isso acontece porque a necessidade de horas de sono altera conforme a idade, no entanto, notavelmente, ela é muito maior na infância. Recém-nascidos, por exemplo, precisam de 16 horas de sono por dia. Porém essa necessidade diminui ao longo do tempo até atingir de sete a oito horas diárias na idade adulta.

Na terceira idade essa quantidade reduz ainda mais, pois o envelhecimento traz uma série de mudanças na rotina do indivíduo, como a diminuição de atividades físicas e o uso de medicamentos, que podem alterar o padrão do sono, causando insônia, sonolência diurna, falta de memória “sono interrompido” durante a noite.

Além da rotina, outros fatores decorrentes das modificações cerebrais que com o envelhecimento, influenciam o sono dos idosos, que naturalmente torna-se mais leve e em geral não dura mais do que oito horas diárias.

Como dormir bem?

Mesmo conhecendo a importância e todos os benefícios de dormir bem, muitas vezes ter uma noite de sono renovadora é uma tarefa difícil para muitas pessoas. Para ter um sono saudável e recuperar o período de descanso por completo, o primeiro passo é adotar alguns hábitos, o que é conhecido hoje como “higiene do sono”.

Considerada uma intervenção psicoeducacional, a higiene do sono tem a finalidade de ensinar as pessoas a perceberem quais fatores externos ou ambientais geram efeitos adversos e nocivos ao sono. Normalmente, as recomendações são feitas por um profissional especializado (psiquiatra), podendo ser verbais se possível, escritas.

Dicas de Higiene do Sono

Abaixo listamos algumas atitudes simples, mas que podem melhorar expressivamente as noites mal dormidas. Confira:

  • Evite longos cochilos à tarde para que durante o período da noite o sono não desapareça;
  • Praticar exercícios físicos é um grande aliado do sono saudável, mas tente fazê-los na parte da manhã, nunca poucas horas antes de dormir;
  • Não consuma alimentos estimulantes durante a noite como: chocolate, cafés, chás, refrigerantes e cigarro;
  • Fuja da iluminação excessiva da TV, smartphones, tabletes, computadores etc. Mantenha-os longe da cama antes de se deitar;
  • Ingerir bebidas alcoólicas para muitos é um bom indutor de sono, mas a verdade é que elas atrapalham na qualidade e na quantidade geral do sono, prejudicando a memória e o funcionamento dos sistemas imunológico e nervoso central;
  • Se você, por natureza, sofre com a insônia, tente relaxar antes de dormir. Meditar ou se concentrar no seu sono pode ajudá-lo a ter uma noite melhor;
  • Não se esqueça da disciplina. Estabeleça horários fixos para acordar e se deitar.

Hoje vivemos em uma sociedade que não prioriza tanto a qualidade do sono, porém devemos lembrar dormir bem é uma parte fundamental da manutenção de uma boa saúde, do equilíbrio, da qualidade de vida e do bom funcionamento do corpo e do cérebro.

 

Referências

Alterações do sono na terceira idade pedem cuidados especiais – Ministério da Saúde

http://www.blog.saude.gov.br/promocao-da-saude/30683-alteracoes-do-sono-na-terceira-idade-pedem-cuidados-especiais

Dia mundial do sono ressalta a importância de dormir bem para a saúde

http://www.evidencias.com.br/noticias/dia-mundial-do-sono-ressalta-a-importancia-de-dormir-bem-para-a-saude/

Passos para higiene do sono

http://coral.ufsm.br/docsie/acolhimento/Higiene_do_sono.pdf